Projeto socioambiental leva brasileiros à Indonésia para recuperar produtividade através de agrofloresta

by | 12 Abr 2019

 

Projeto sócioambiental brasileiro se espalha pelo mundo todo

Quem disse que o Brasil exporta apenas café e bons jogadores de futebol? Claro que não!! Exportamos também agroflorestas!!

Um projeto socioambiental gerenciado pela reNature Foundation, em parceria com a empresa holandesa Verstagen, está levando a esperança de novos tempos através da agrofloresta para produtores de pimenta branca (Piper nigrum) na Indonésia. 

O país, que é o maior exportador da especiaria no mundo, vem sofrendo com a diminuição de sua produtividade em decorrência de doenças e o mau uso do solo, frutos de décadas de uma agricultura degradante que visa apenas a produção e não respeita as leis da natureza.

A reNature, fundação criada pelo brasileiro Felipe Villela, enviou uma equipe para ilha de Bangka com o intuito de implementar um projeto agroflorestal com foco em pimenta branca, dando assistência aos fazendeiros e ensinando a eles as técnicas agroflorestais para um ciclo de produção de 20 anos.

Em solos indonesianos desde 12 de março, o grupo já se encontra em estágio avançado na execução das atividades, tendo já concluído o preparo de todo o terreno e o plantio das linhas de árvores que abastecerão a área  com matéria orgânica e frutos variados. A interação com os produtores locais também se fez importante para a escolha das espécies que irão compor o sistema, demonstrando que o respeito ao conhecimento regional deverá sempre caminhar lado lado com as novas técnicas implantadas.

O projeto conta ainda com um design exclusivo assinado pelo competente pessoal do Preta Terra, e a equipe de campo está sendo liderada pelo também brasileiro e engenheiro florestal Bruno Lenzi Caldonazzo, que vem se tornando um especialista no tema.

Nos sentimos orgulhosos de ver tanto esforço tupiniquim em ação para mudar o planeta. Que esses exemplos se multipliquem.

Texto enviado por Bruno Lenzi Caldanazzo

 

VIVIANE NODA

Empreendedora social e co-fundadora do PorQueNão?

Viviane Noda é comunicadora por natureza e acredita que sua missão de vida é encontrar soluções comunitárias.
Formada em administração com ênfase em marketing pela ESPM e especializada em Negócios Sociais pela metodologia Yunus, ela acredita que divulgar bons exemplos seja o respiro necessário para dar fôlego na caminhada de um futuro melhor.

Além de escrever, editar, filmar e coordenar, também dá consultoria de comunicação.

Gostou?

Lembramos que a missão do PorQueNão? é divulgar conteúdos riquíssimos como esse. Conheça os serviços que oferecemos para potencializar iniciativas inovadoras.